Presença da imagem de São Sebastião no Degase

No dia 17 de janeiro, a imagem peregrina do padroeiro da cidade e da Arquidiocese do Rio de Janeiro, dentro da programação da Trezena de São Sebastião, esteve em visita a três unidades do Departamento Geral de Ações Socioducativas (Degase), todas instaladas na Ilha do Governador, na Zona Norte. 

O arcebispo do Rio de Janeiro, Cardeal Orani João Tempesta, e toda a comitiva da Trezena, incluindo o assistente eclesiástico adjunto da Pastoral do Menor, padre Charles Fernandes Gomes, e os diáconos Roberto José dos Santos e Carlos Augusto foram recebidos com alegria pelo diretor geral do Degase, Victor Poubel, e também pelos demais diretores e agentes socioeducativos.

“É importante a promoção desses momentos de espiritualidade para que os jovens possam praticar a fé deles. A presença da imagem de São Sebastião, junto com Dom Orani, é essencial para mostrar que a Igreja incentiva os jovens a uma mudança de vida e os anima para uma nova caminhada em suas existências”, destacou Victor Poubel.

As três unidades visitadas no Degase, órgão do Governo do Estado do Rio de Janeiro que executa as medidas judiciais aplicadas aos adolescentes em conflito com a lei, foram: Centro de Socioeducação Dom Bosco e Escola João Luiz Alves, que atendem adolescentes masculinos, e o Centro de Socioeducação Professor Antônio Carlos Gomes da Costa, a única a atender jovens do sexo feminino em regime fechado.

“Olhamos para todos os adolescentes com a possibilidade de vida nova como cidadãos e como cristãos. Cristo pregou o amor, o perdão, a superação da dor e das lutas. Temos esperança que a proximidade da Igreja possa ajudar os socioeducandos para ver que, mesmo estando temporariamente privados de liberdade, têm a oportunidade de transformar suas vidas”, disse Dom Orani.

Segundo o assistente eclesiástico adjunto da Pastoral do Menor, padre Charles Fernandes Gomes, os dois anos de pandemia dificultaram momentos celebrativos junto com os socioeducandos. 

“Há muito tempo não vivíamos este momento celebrativo tão forte. Hoje podemos reviver e atualizar em nossa memória como é bom ser católico, e como devotos de São Sebastião pedir força e coragem para vencer as tribulações da vida em nosso tempo atual”, disse padre Charles. 

“Os socioseducandos acolheram com muito amor a visita da imagem de São Sebastião e também as palavras e mensagens partilhadas. Nosso arcebispo, em sua mensagem, ressaltou o modelo de coragem e humildade do jovem Sebastião. Modelo este que deve ser seguido, especialmente por aqueles que querem se configurar a Cristo”, acrescentou padre Charles.

 

Carlos Moioli

Categorias